Biopolítica, governamentalidade e o cuidado de si em Foucault

Biopolítica, governamentalidade e o cuidado de si em Foucault

Biopolítica, governamentalidade e o cuidado de si em Foucault

De Michel Foucault, por Luiz Fuganti

Abordagem do curso:

Desconstrução do sujeito e do objeto natural do conhecimento. Traçado de algumas das formações de poder e saber ocidentais cujos sujeitos, objetos e formas de conhecimento emergem no quadro de suas relações de força, simultaneamente como produtos e meios do exercício e da cadeia de transmissão e continuação do poder constituinte do tecido social.

Natureza relacional e diagramática do poder. O saber não como forma objetiva universal e neutra da verdade, mas como condição necessária de integração e continuidade dos poderes difusos que produzem a verdade necessária a sua continuidade e expansão. Três formas de poder e de saber… a que incide sobre territórios e bens; a que incide sobre o corpo e tempo dos homens; e aquela que incide sobre a vida, sobre as necessidades e os modos de desejo e crença das populações, isto é, que faz da própria vida e das condições de existência da espécie humana objeto e sujeito de poder, modo de poder e de saber que se exprime naquilo que Foucault designa como governamentabilidade.

Enquadramento e captura da dimensão virtual do desejo nas sociedades disciplinares - produção formal da dívida e lógica punitiva da consciência moral. Dispositivos de enquadramento, vigilância e controle e a exclusão dos tempos e movimentos próprios do corpo e da mente.

Gestão e controle sobre a vida nos novos modos de governamentabilidade. Práticas veladas de violência e a lógica da criminalização dos afetos que combatem por outros modos de existir. A natureza não-intencional, a subversão universal e a estilização da existência nas práticas de si.

Outros aspectos do programa:

  • Emergência dos poderes disciplinares e dos regimes de autoridade e fim das velhas formas de soberania.
  • Enquadramento e captura da dimensão virtual do desejo - produção formal da dívida e lógica punitiva da consciência moral.
  • Dispositivos de exclusão dos tempos e movimentos próprios do corpo e da mente.
  • Controle e gestão do corpo, do tempo e do espaço e o seqüestro das forças e da vida dos homens.
  • Produção da norma e punição espiritual.
  • A natureza não-intencional e a subversão universal.
  • Interiorização da dor, espiritualização do castigo e fabricação da consciência da falta.
  • Instalação do controle interno e a colonização das subjetividades: produção da consciência panópticon
  • Práticas veladas de violência e a lógica da criminalização dos afetos.
  • O negócio da criminalização e a punição como fonte de extorsão e lucro.

Curso Extensivo:

  • Duração: 32 horas (16 aulas)
  • Acesso online disponível por seis meses
  • Curso oferecido em vídeo

Curso Online

Objetivo desta modalidade

Disponibilizar virtualmente nossos cursos de filosofia, multiplicando o alcance do pensamento, e possibilitando a fruição do conteúdo das aulas para além dos limites de espaço-tempo de sua realização presencial. Em até um dia útil você recebe instruções de acesso. Não disponibilizamos cursos para donwload.

Vantagens do EAD

Ensino à distância

Grande parte dos alunos acaba superando a necessidade de interagir com o professor, pois as questões que eventualmente surgem acabam mudando de natureza na medida em que seus elementos se deslocam ao longo do processo e os problemas são colocados de outro modo. Caso persistam dúvidas, estas podem ser enviadas ao professor por email.

Requisitos para o acesso

PC, notebook, tablet ou celular

Utilizando seu dispositivo conectado à internet, basta ter um navegador com flash player instalado/atualizado.

Certificado

Impresso ou eletrônico

Trabalhamos com as duas modalidades de emissão de certificados, sendo o eletrônico gratuito e o impresso com custo de frete e operacional, a consultar.

Aulas

Nenhum Comentário

Responder

Teachers